O GÊNERO CAUSO E A RETEXTUALIZAÇÃO: POSSIBILIDADES DE AMPLIAÇÃO DO LETRAMENTO

  • Gleiciane Rosa Vinote Rocha UERJ

Resumo

Este trabalho tem como objetivos refletir sobre as dificuldades encontradas para trabalhar a produção textual na educação básica e também propor possibilidades para superá-las por meio de uma sequência didática com a finalidade de reduzir marcas de oralidade inadequadas presentes nos textos escritos, levando para a sala de aula de um oitavo ano os processos de retextualização propostos por Marcuschi (2010) e o contínuo recomendado por Bortoni-Ricardo (2004), utilizando o gênero causo. Assim, os alunos puderam refletir sobre as semelhanças e diferenças entre as modalidades falada e escrita, respeitando as características do gênero textual em questão, por meio da retextualização de causos orais em escritos. Tendo como base estudos feitos também por Fávero (2014), Bakhtin (2003), Schneuwly e Dolz (2011), Rojo (2009) e nas considerações dos PCN (1998). Foi possível observar a ampliação da competência da escrita, além do resgate cultural de práticas discursivas locais.

Referências

ANTUNES, Irandé. Práticas pedagógicas para o desenvolvimento das competências em escrita. In: COELHO, Fábio André; PALOMANES, Roza. (orgs.). Ensino de produção textual. São Paulo: Contexto, 2016, p. 9-21.
BAKHTIN, M. Estética da criação verbal. Introdução e tradução do russo Paulo Bezerra. 4. ed. São Paulo: Martins Fontes, 2003.
BARREIRO, Iraíde Marques de Freitas. Ser professor: representações sociais da profissão no curso de formação em exercício. In: VIII CONGRESSO ESTADUAL PAULISTA SOBRE FORMAÇÃO DE EDUCADORES. São Paulo: UNESP (Universidade Estadual Paulista), 2005. Palestra. p. 318-326.
BATISTA, Gláucia Aparecida. Entre causos e contos: gêneros discursivos da tradição oral numa perspectiva transversal para trabalhar a oralidade, a escrita e a construção da subjetividade na interface entre a escola e a cultura popular. 2005. 216f. Dissertação (Mestrado em Linguística Aplicada) – Universidade de Taubaté, São Paulo, 2007.
BERTI, Maria Mônica Gimenez. Recursos coesivos em narrativas orais e escritas: uma sequência didática a partir
de causos populares. 2015. 99f. Dissertação (Mestrado Profissional em Letras). Universidade Estadual de Maringá, Paraná, 2015.
Publicado
2020-06-03
Como Citar
ROCHA, Gleiciane Rosa Vinote. O GÊNERO CAUSO E A RETEXTUALIZAÇÃO: POSSIBILIDADES DE AMPLIAÇÃO DO LETRAMENTO. LETRAS EM REVISTA, [S.l.], v. 11, n. 01, jun. 2020. ISSN 2318-1788. Disponível em: <https://ojs.uespi.br/index.php/ler/article/view/214>. Acesso em: 30 set. 2020.