VARIAÇÃO NÓS E A GENTE NA POSIÇÃO DE SUJEITO NA COMUNIDADE QUILOMBOLA SERRA DAS VIÚVAS

  • Maria Helena Menezes de Souza Universidade Federal de Alagoas
  • Elyne Giselle de Santana Lima Aguiar Vitório Universidade Federal de Alagoas

Resumo

Neste estudo, traçamos o perfil sociolinguístico dos falantes não escolarizados da comunidade quilombola Serra das Viúvas/Água Branca-AL em relação à variação nós e a gente na posição de sujeito. Para o desenvolvimento desta pesquisa, recorremos ao pressuposto teórico-metodológico da Teoria da Variação e Mudança Linguística (LABOV, 2008 [1972]), que trata dos fenômenos variáveis. Para a análise quantitativa dos dados, utilizamos o programa computacional GoldVarb X (SANKOFF; TAGLIAMONTE; SMITH, 2005), que delimitou as variáveis estatisticamente significativas na variação em estudo, mostrando-nos que a gente é a variante preferida para ocupar a posição de pronome de primeira pessoa do plural. Os resultados também mostram que essa variação é condicionada pelas variáveis paralelismo formal, marca morfêmica, faixa etária, sexo/gênero, preenchimento do sujeito e determinação do referente, levando-nos a argumentar que, na fala dos quilombolas não escolarizados, há um contexto linguístico variável na representação pronominal de primeira pessoa do plural.

Referências

BECHARA, E. Moderna gramática portuguesa. 37ª. ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2008.
CUNHA, C.; CINTRA, L. Nova gramática do português contemporâneo. 5ª ed. Rio de Janeiro: Lexikon. 2008.
FEITOSA, J. G. A Variação nós e a gente na posição do sujeito no sertão alagoano. 71f. Monografia (Letras) – Universidade Federal de Alagoas Delmiro Gouveia, 2017.
FEITOSA, J.; VITÓRIO, E. Variação nós/a gente no sertão alagoano: restrição e avaliação. Revista A Cor das Letras, v. 19, p. 199-211, 2018.
FERNANDES, E. Fenômeno Variável: nós e a gente. In: Hora , D. (Org). Estudos sociolinguística: perfil de uma comunidade. João Pessoa, 2004.
FREITAG, R. M. K. Uso, crença e atitudes na variação na primeira pessoa do plural no português brasileiro. DELTA. v. 32, n. 4, 2016.
GUY, G. e ZILLES, A. Sociolinguística quantitativa: instrumental de análise. São Paulo: Parábola Editorial, 2007.
LABOV, W. Padrões sociolinguísticos. São Paulo: Parábola Editorial, 2008 [1972].
LUCCHESI, D. BAXTER, A. RIBEIRO, I. O português afro-brasileiro. Salvador: EDUFBA, 2009.
MENDES, R. P. S. O Perfil da Alternância do Sujeito Nós e A gente em Santo Antônio de Jesus: um recorte no português popular do interior da Bahia. Dissertação. 2007. (Mestrado em Letras e Linguística) Universidade Federal da Bahia, Salvador, 2007.
OMENA, N. P. A referência à primeira pessoa do plural: variação ou mudança? In: PAIVA, M.C., DUARTE, M. E. L. Mudança linguística em tempo real. Rio de Janeiro, FAPERJ/ Contracapa. 2003.
RUBIO, C. A importância da metodologia no estudo da alternância pronominal e da concordância verbal de primeira pessoa do plural. Cuadernos de la ALFAL. P90-106, nº 7 março de 2015.
SANKOFF, D.; TAGLIAMONTE, S.; SMITH, E. Goldvarb X: a variable rule application for Macintosh and Windows. Department of Linguistics, University of Toronto, 2005.
SCHERRE, M. M. P. Paralelismo Linguístico. Universidade Federal do Rio de Janeiro. Rev. Est. Ling., Belo Horizonte, v.7, n.2, p.29-59, jul./dez. 1998.
TAMANINE, A. A alternância nós e a gente no interior de Santa Catarina. Dissertação de Mestrado. Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes, Curitiba. UFSC, p. 159 – 172, 2002.
VIANNA, J.; LOPES, C.. Variação dos Pronomes “nós” e “a gente”. In: MARTINS, M.; ABRAÇADO, J. Mapeamento sociolinguístico do português brasileiro. São Paulo: Editora Contexto, 2015.
VITÓRIO, E. Crenças e atitudes linguísticas quanto ao uso dos pronomes nós e a gente na cidade de Maceió/AL. MATRAGA, v. 24, p. 67-91, 2017a.
VITÓRIO. E. A realização dos pronomes nós e a gente na função de sujeito e nas funções de complemento e adjunto na cidade de Maceió/AL. Letrônica. Porto Alegre, v.10,n 1, p.122-138, janeiro-julho, 2017b.
Publicado
2022-04-08
Como Citar
DE SOUZA, Maria Helena Menezes; DE SANTANA LIMA AGUIAR VITÓRIO, Elyne Giselle. VARIAÇÃO NÓS E A GENTE NA POSIÇÃO DE SUJEITO NA COMUNIDADE QUILOMBOLA SERRA DAS VIÚVAS. LETRAS EM REVISTA, [S.l.], v. 12, n. 01, abr. 2022. ISSN 2318-1788. Disponível em: <https://ojs.uespi.br/index.php/ler/article/view/378>. Acesso em: 09 ago. 2022.