DOSSIÊ: IMPRENSA FEMININA E HISTÓRIA DA LITERATURA NOS SÉCULOS XIX E XX

  • Algemira de Macêdo Mendes Universidade Estadual do Piauí
  • Isabel Lousada Centro Interdisciplinar de Ciências Sociais/ Universidade Nova de Lisboa
  • Maria Eunice Moreira Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
  • Regina Kohlrausch Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul

Resumo

Pelo menos desde os primeiros anos do século XX, estudiosos como José Veríssimo dentre outros, já identificavam o importante papel da imprensa para a literatura brasileira. A imprensa é encarada como fonte primária, necessária à própria reconfiguração das histórias de literatura, por dar acesso aos pormenores da criação, gêneros textuais diversos, bem como trabalhos ainda inéditos à contemporaneidade.


Apesar desse quadro favorável em relação à imprensa, há, contudo, uma situação que merece ser observada e que diz respeito às escritoras, que ainda aguardam relocação nos estudos sobre uma nova historiografia brasileira, mais inclusiva, sobretudo porque foi nas páginas periódicas que se projetaram inicialmente. A diversidade dos gêneros trabalhados pelas autoras vai da poesia à crítica literária em colunas jornalísticas, algo que, em descobertas recentes, tem reconfigurado o olhar para a manifestação literária de autoria feminina. Qualitativamente e quantitativamente, a produção dessas mulheres necessita ser revalorizada e reavaliada, pois compõem uma gama significativa de nomes que ocupam as páginas de variados periódicos, em locais e períodos diversos.


Dessa forma, o presente dossiê, ao investir na relação literatura e imprensa, pretende reunir estudos que retirem dos escombros da memória e do documento periódico escritoras e suas  produções literárias que ajudem ou lancem luz ao entendimento da (re)configuração das letras no Brasil e  que  tragam, sobretudo, reflexões acerca da participação das mulheres nos processos históricos, jornalísticos e literários de seu tempo.


 

##submission.authorBiography##

##submission.authorWithAffiliation##

Investigadora integrada do CICS.NOVA.FCSH e colabora com o CLEPUL - Centro de Literaturas e Culturas Lusófonas e Europeias. Pertence a várias ONG, especialmente direccionadas para temáticas sobre a Mulher e, neste momento, é secretária da Direcção da AMONET - Associação Portugesa de Mulheres Cientistas e Vice-Presidente da MIMA - Museu Internacional da Mulher Associação, Lisboa. Isabel Lousada é também membro da Direcção do grupo de Trabalho WWIH - Mulheres Escritoras na História - DARIAH-EU.

Publicado
2021-04-28
Como Citar
MENDES, Algemira de Macêdo et al. DOSSIÊ: IMPRENSA FEMININA E HISTÓRIA DA LITERATURA NOS SÉCULOS XIX E XX. LETRAS EM REVISTA, [S.l.], v. 11, n. 2, abr. 2021. ISSN 2318-1788. Disponível em: <https://ojs.uespi.br/index.php/ler/article/view/388>. Acesso em: 05 dez. 2021.