O IMBRICAMENTO DAS RELAÇÕES DE FORÇA ÀS FORMAÇÕES IMAGINÁRIAS EM UM VÍDEO DA WEB.

  • Fernanda Santos da Silva Queiroz Universidade Estadual de Feira de Santana

Resumo

O presente trabalho visa mostrar, através das interlocuções discursivas de um vídeo do repositório do YouTube, o imbricamento existente entre as formações imaginárias e as relações de força, tendo como base a Análise de Discurso difundida por Michel Pêcheux. Os mecanismos de antecipação, assim como as projeções possíveis feitas pelo locutor e o interlocutor serão utilizados como pano de fundo para uma investigação de como se dão as formações imaginárias, as quais perpassam posições discursivas, dentro de condições de produção dadas.

Referências

BURGESS, Jean; GREEN, Joshua. YouTube: Digital Media and Society Series. Malden, MA: Polity Press, 2009.
DELA SILVA, Silmara; DIAS, Juciele Pereira. Felicidade, um arquivo. Sobre a noção de arquivo e seu funcionamento no discurso na/da mídia. In: INDURSKY, Freda; FERREIRA, Maria Cristina Leandro; MITTMANN, Solange (Orgs.). Análise do discurso dos fundamentos aos desdobramentos (30 anos de Michel Pêcheux). Campinas: Mercado de Letras, 2015, p. 123 - 135.
GREGOLIN, M. R. (2003) O acontecimento discursivo na mídia: metáfora de uma breve história do tempo. In: GREGOLIN, M. R. (org.). Discurso e mídia: a cultura do espetáculo. São Carlos: Claraluz. p.95-110.
GRIGOLETTO, Evandra; GALLO, Solange L. Sujeito e memória em textualidades digitais. In: INDURSKY, Freda; FERREIRA, Maria C. L.; MITTMAN, Solange (Orgs.). Análise do Discurso: dos Fundamentos aos Desdobramentos – 30 anos de Michel Pêcheux. Campinas, SP: Mercado das Letras, 2015, p. 307 -317.

HEINE, Palmira. Entre a magreza e o sobrepeso: Discurso, corpo e sentido sobre a mulher em anúncios publicitários. In: HEINE, Lícia Maria Bahia et al. Sujeito e discurso: Diferentes perspectivas teóricas. Salvador: EDUFBA, 2015, p. 11 -33.
INDURSKY, Freda. O ideológico e o político no discurso do/sobre o MST. In: INDURSKY, F; FERREIRA, M.C.L.; MITTMANN, S. (Orgs.). O acontecimento do discurso no Brasil. Campinas, SP:Mercado de Letras, 2011, p. 277 -293.
LÉVY, Pierre. Cibercultura. São Paulo: SP. Editora 34, 2014.
______, Freda. A memória na cena do discurso. In: INDURSKY, Freda; MITTMANN, Solange; FERREIRA, Maria Cristina Leandro (organizadoras). Memória e história na/da análise do discurso. Campinas, SP: Mercado de letras, 2011a, p. 67 -89.
ORLANDI, Eni. A Linguagem e seu Funcionamento: as formas do discurso. Campinas, SP: Pontes Editores, 1996.
______, Eni P. Discurso e Texto. Formulação e Circulação dos Sentidos. Campinas, SP: Pontes, 2ª edição, 2005.
______, Eni. Análise De Discurso. Formulação e Circulação dos Sentidos. Campinas, SP: Pontes, 2009.
PÊCHEUX, Michel. Por uma análise automática do discurso. Campinas: Editora da Unicamp, 2014a.
______, Michel. Ler o Arquivo Hoje. In: Orlandi, Eni (Org.). Gestos de Leitura da História no Discurso. Campinas, SP: Editora da Unicamp, 2014b.
RANCIÈRE, Jacques. A partilha do sensível. Tradução de Mônica Costa Netto. São Paulo, SP: EIXO Experimental, 2009.
SANTANA NETO, João Antônio de. Ainda seguindo as pistas do “Episódio no Passeio”. In: HEINE, Lícia Maria B; NERY, Marta Maria; NEIVA, Nordélia; CRISTO, Adielson R. De; CRUSOÉ, Myrian (Orgs.). Sujeito e discurso: Diferentes perspectivas teóricas. Salvador: EDUFBA, 2015, p. 35- 55.
Publicado
2019-10-25
Como Citar
DA SILVA QUEIROZ, Fernanda Santos. O IMBRICAMENTO DAS RELAÇÕES DE FORÇA ÀS FORMAÇÕES IMAGINÁRIAS EM UM VÍDEO DA WEB.. LETRAS EM REVISTA, [S.l.], v. 10, n. 01, out. 2019. ISSN 2318-1788. Disponível em: <https://ojs.uespi.br/index.php/ler/article/view/100>. Acesso em: 11 dez. 2019.